terça-feira, 1 de junho de 2021

235 coletes balísticos serão destinados à Guarda Municipal do Natal

 


A Prefeitura do Natal realiza mais um investimento na área da segurança pública municipal com a aquisição de 235 coletes de proteção balística que serão direcionados ao serviço operacional realizado pelos integrantes da Guarda Municipal do Natal (GMN). O processo de compra efetuada por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes) foi publicado no Diário Oficial do Município e aponta para um investimento de aproximadamente R$ 350 mil.

Os coletes balísticos são Equipamentos de Proteção Individual (EPI) indispensáveis na prestação de serviços de segurança e garantem a integridade física do guarda em situações que envolvem risco de morte, principalmente em ocorrências onde existe a utilização de arma de fogo em situação de troca de tiros com suspeitos de crimes. Esses equipamentos são necessários à corporação para o desempenho de sua função cotidiana na área de segurança pública e prevenção à violência.


A secretária da Semdes, Sheila Freitas, ressaltou a importância do investimento como fator de fortalecimento do setor de segurança pública do município de Natal, que hoje exerce uma função primordial no zelo da ordem social, atuando integrado com as demais forças de segurança e agindo no âmbito da prevenção.


“É mais um dos vários investimentos realizados pela Prefeitura com a missão de contribuir com a segurança do cidadão. Esta gestão já adquiriu novas viaturas, armamento, munição, coletes anti balístico e outros equipamentos para uso em patrulhamento, e não esqueceu o agente de segurança pública, pois foi a gestão que concedeu o plano de cargos e salários, que era um sonho de quase 30 anos dos guardas de Natal”, comentou a secretária.


Os 235 coletes balísticos adquiridos pela Prefeitura são do nível III-A, que de acordo com as especificações técnicas, suportam o calibre 357 magnun, calibre 9mm, e calibre 12 (exceto balote). A empresa Inbraterrestre Indústria e Comércio de Material de Segurança tem agora um prazo de 150 dias para entregar o equipamento de proteção individual. Os novos coletes serão somados a outros que são utilizados no serviço regular de segurança pública exercido pela Guarda Municipal na capital.