segunda-feira, 14 de março de 2022

Greve dos servidores suspende atendimentos no Ipern


Uma greve iniciada na última quinta-feira (10) no Instituto de Previdência Estadual do Rio Grande do Norte (Ipern) suspendeu atendimentos oferecidos pelo órgão em todo o estado, de acordo com o sindicato que representa os servidores.

 O Ipern atende principalmente servidores aposentados, que precisam fazer prova de vida periodicamente, além de servidores da ativa que procuram o local para dar entrada no processo de aposentadoria, entre outros serviços ligados à previdência estadual.

 A categoria cobra a atualização do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR), com reajuste de salários, e a realização de concurso público para o Instituto.

 Segundo o sindicato, o Ipern conta com cerca de 80 servidores para atender a todo o funcionalismo público estadual e o último concurso para o órgão foi realizado há 44 anos, em 1977.

 "Assim, a categoria denuncia a urgência na realização de um certame, tendo em vista que muitos trabalhadores da ativa estão próximos de se aposentar e é necessário manter o serviço da previdência", disse o sindicato, em comunicado.

 Quanto ao plano de cargos, os trabalhadores afirmam que há necessidade de reestruturação das tabelas, porque os valores estariam defasados e abaixo dos ganhos de outras categorias.

 Os servidores marcaram atos públicos e enviaram ofícios ao governo solicitando audiência para negociação.

G1RN